Tenha o relacionamento que sempre sonhou, com esse passo a passo simples.

Inscreva o seu e-mail aqui e receba o Manual dos relacionamentos saudáveis. É grátis!

Desenvolvimento pessoal

A verdade que ninguém nunca contou a você sobre como sair da depressão

Como sair da depressão, apesar de já mapeado é um processo complexo. O que você faria se descobrisse a peça chave para a cura dela?

Não é necessário ser um super herói para ter como sair da depressão. (Foto: internet/reprodução)

Não é necessário ser um super herói para ter como sair da depressão. (Foto: internet/reprodução)

Como sair da depressão é uma resposta que grande parte da população mundial tem buscado nos últimos anos. É que até bem pouco tempo ela era considerada frescura, chilique, coisa de gente fútil. Acontece que a medicina já deixou claro que depressão é uma doença, com potencial destrutivo, apta para incapacitar o paciente. Mas seus efeitos não param por aí.

A pessoa deprimida sofre muito e de muitas maneiras. Talvez você nunca tenha passado por isso, mas o portador dessa síndrome chega ao ponto de perder a vontade de viver. Sua vida vai ficando sem sentido, tamanha a dor que carrega em si.

O pior de tudo, quando o assunto é depressão, é o fato de que seu diagnóstico não é feito com base em exames clínicos. Um eletrocardiograma é capaz de identificar que alguma coisa não vai bem com o coração em análise. O ultrassom identifica alterações no órgão investigado, mas a depressão não aparece em nenhuma pesquisa semelhante.

Se você se preocupa com o potencial destrutivo dela, ao final desse artigo vai saber o que fazer para obter a cura. São muitas informações importantes sobre ela. Entretanto, muito pouca atenção é dada ao autoconhecimento como ferramenta para combatê-la.

É preciso entender para ter como sair da depressão

O ponto mais importante em torno da depressão é ela ser uma doença da alma, com reflexos sobre o físico. O paciente afetado sofre de perda ou ganho de peso; falta ou excesso de sono; agitação ou apatia corporal; fadiga; baixa na libido.

Essa síndrome age duplamente, por comprometer o físico e a mente. Ela deve ser tratada com o acompanhamento médico e psicológico. O psiquiatra acompanha os aspectos físicos e atua também na investigação das causas dela. Somente ele tem capacidade e autorização para receitar medicamentos. Já o psicólogo mapeia toda história de vida do paciente. Ele atua na busca de episódios que possam ter gerado sentimentos de menos valia e baixa autoestima.

Existe uma corrente de espiritualistas que consideram a possibilidade de tratamentos da depressão sem uso de medicamentos. Embora seja perfeitamente possível, eu considero uma posição arriscada. A doença afeta a química cerebral, o que pode causar danos secundários como a baixa no sistema imunológico. Além disso, o uso de medicamentos, sob a supervisão médica é capaz de acelerar o reequilíbrio químico cerebral.

O ponto primordial desse mal, que afeta cerca de 350 mil pessoas em todo o mundo, é que os portadores estão muito ligados ao passado. Você já deve ter notado que a depressão tem grande ligação com a tristeza. Esta é uma das quatro emoções primárias do ser humano e está totalmente relacionada a perdas. E toda perda está totalmente ligada ao que já passou, desapareceu e não volta mais.

Por isso é fundamental que você esteja bem atento aos seus estados de espírito. Perder é parte integrante do processo de viver. Tal fator obriga as criaturas a aprender lidar com o prejuízo, mesmo porque, nem sempre ele é algo ruim.

A psicoterapia lhe oferece os caminhos para ter como sair da depressão. (Foto: internet/reprodução)

A psicoterapia lhe oferece os caminhos para ter como sair da depressão. (Foto: internet/reprodução)

Aceite que a depressão é uma doença

Por ser uma doença, a depressão deve ser desvinculada de qualquer culpa. Ninguém é reprovável por ter ficado doente e os próprios mecanismos sociais levam muita gente a contrai-la.

A sociedade estabeleceu que todos os seus integrantes precisam vencer sempre; estar sempre de bem com a vida. Demonstrar uma fortaleza que nem sempre é possível, virou obsessão das criaturas. Elas fazem de tudo para aparentar uma realidade fantasiosa em torno de si. Por isso se fazem de eternos felizes da boca pra fora. Essa é uma tentativa inválida de evitar contato com a doença.

Para ter como sair da depressão, primeiro é preciso se conscientizar que está com ela. É impossível tratar um mal que não existe. Segundo é preciso estar consciente de que seu organismo precisa de ajuda para voltar a funcionar como antes. Terceiro estar pronto a viajar para dentro de si mesmo e investigar o que lhe causa descontentamento, frustração, insegurança.

O caminho para ter como sair da depressão

O autoconhecimento é o passo fundamental para ter como sair da depressão. O médico Dráuzio Varella explica que a doença se caracteriza pelo desequilíbrio bioquímico do cérebro. Entretanto, esse quadro ocorre em função de um evento que o desencadeia. Por isso, a afirmativa acima de que você precisa conhecer muito bem o que lhe causa tristeza e outros sentimentos negativos.

A explicação é muito simples. Sentimentos como tristeza, raiva e medo estimulam o cérebro a produzir hormônios do estresse, como a adrenalina e o cortisol. Por conta disso, os do bem estar, como serotonina e dopamina, deixam de ser produzidos. Com esse desequilíbrio hormonal prolongado, o organismo passa a ter dificuldade em voltar a produzir as substâncias do bem estar.

A psicoterapia aliada a outras formas de tratamentos alternativos são fatores decisivos para a superação de estados depressivos. Um dos entraves para que o paciente vença a depressão é o fato de muitas vezes se sentir culpado por estar deprimido. Outro fator que deve ser levado em conta é que em alguns casos ela é muito difícil de ser detectada.

Dráuzio Varella alerta que períodos de tristeza superiores a duas semanas devem ser investigados.  De acordo com o médico, é absolutamente normal ficar triste mediante um estímulo negativo, desde que esse estado seja passageiro.

Como sair da depressão

(Foto: internet/reprodução)

Autoconhecimento é o segredo de como sair da depressão

O autoconhecimento é o grande segredo para que se tenha como sair da depressão. Você mesmo se ainda não passou por períodos depressivos, com certeza, passará por um pelo menos uma vez na vida. Além disso, já deve ter convivido com alguém que vivenciou esse mal.

É exaustiva minha insistência nesse ponto. Porém, somente quem conhece suas reações diante da vida é capaz de identificar e combater a depressão rapidamente. É que os apelos sociais indicam que as pessoas têm que ser felizes e bem sucedidas o tempo todo. E isso, por si só, já é um fator deprimente, uma vez que a vida é constituída de autos e baixos.

Portanto, tenha sempre em mente que sua posição no planeta é de aprendiz. E todo indivíduo em processo de aprendizagem precisa ser tratado com cordialidade e compaixão.

Outro ponto muito importante para o controle de estados depressivos é ter noção exata do que é de seu interesse. É muito comum, você descobrir que determinada atividade é plano e sonho do outro. Se envolver demais nisso, sem considerar seus interesses, fatalmente lhe deixa em um estado grave de insatisfação. Quando ocorre com muita frequência, tende a deprimir em função da perda do sentido da vida.

Por fim, além de acompanhamento médico e psicológico, o paciente com depressão precisa ter dois cuidados básicos: estabelecer uma rotina de exercícios físicos e alimentação saudável.

Esse é o caminho para ter como sair da depressão. Se gostou desse artigo, compartilhe com os seus amigos. Ajude outras pessoas a terem acesso a essa informação. Deixe também seu comentário. Ele é muito importante para nós.

Fonte:

https://drauziovarella.com.br/letras/d/depressao/

http://www.minhavida.com.br/saude/galerias/13687-fique-alerta-com-as-principais-causas-de-depressao

http://www.mdsaude.com/2012/04/o-que-e-depressao.html

https://www.tuasaude.com/causas-da-depressao/

Rating: 4.5. From 2 votes.
Please wait...
Zilda de Assis

Sobre o autor | Website

Zilda de Assis é jornalista e gestora de pessoas. Autora dos ebooks: Já que relacionamentos perfeitos não existem, torne-os saudáveis, O que é autossabotagem e Manual dos relacionamentos saudáveis.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

2 Comentários

  1. Isso mesmo, Noêmia!

    Andou sumida, moça!

    Gratidão,

    No votes yet.
    Please wait...
  2. Noêmia Esquivel Dória disse:

    Como doença da alma, creio sim que tratamento quimico aliado com o exercicio de autoconhecimento e terapia são fundamentais! Depressão é uma doença grave e os acometidos por ela merecem respeito e atenção!

    No votes yet.
    Please wait...
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: