Tenha o relacionamento que sempre sonhou, com esse passo a passo simples.

Inscreva o seu e-mail aqui e receba o Manual dos relacionamentos saudáveis. É grátis!

Meditação

Meditação: um guia rápido para compreender o que é e como ela pode transformar sua vida para melhor, em definitivo

A meditação tem sido uma das práticas mais comentadas do momento. Também pudera. Os efeitos atribuídos a ela são maravilhosos. Mesmo assim, há muita dificuldade em adota-la como prática no mundo ocidental.

Uma simples pesquisa no Google e são centenas de sites falando a respeito desta técnica. Realmente ela faz milagres na vida de qualquer pessoa. Para tanto, basta aprender o que é e pratica-la todos os dias.

Eu não sei você, mas praticar a meditação ainda é bem difícil para mim. Tudo porque, acalmar a mente é quase impossível para quem vive imerso em tudo quanto é tipo de apelos à nossa atenção.

Acompanhe este post até o final e você vai entender melhor o que é e como incorporar a meditação na sua vida.

A meditação reconecta o ser com ele mesmo e energiza os chakras.

A meditação reconecta o ser com ele mesmo e energiza os chakras.

O que é meditação

Meditação é um processo de reconexão do indivíduo com seu mundo interior. Desde que nasce o ser humano é levado a interagir fortemente com o mundo externo, primeiramente com os pais e familiares, depois com todos os ambientes que frequenta.

Tudo na vida da gente é movido para a interação com o externo. Isso é tão forte, a ponto que ao fazer determinada atividade, questiona-se o que os outros vão pensar a respeito.

É que somos programados a nos tornar adequados ao mundo exterior, mesmo que isso custe o nosso autorrespeito. Sim, perde-se o autorrespeito, toda vez que se passa por cima dos próprios valores e interesses, só para satisfazer aos dos outros.

Nos dias atuais, a desconexão com o mundo íntimo é muito grande por conta dos inúmeros estímulos que a era digital proporciona. Tanto, que quem possui um smartphone não tem sossego nem para assistir um filme no cinema, sem ter que desliga-lo.

Pois a meditação tem esse poder de ligar seu consciente com o seu eu interior mais profundo. Ela é capaz de controlar a ansiedade, dar clareza mental, equilíbrio e segurança emocional.

Segundo os estudiosos, quando uma pessoa faz uma oração, ela pede conselhos a Deus. Quando pratica a meditação, ela ouve a resposta.

É que a sabedoria popular tem consciência de que todas as respostas que os indivíduos procuram estão dentro de si mesmos. Ao meditar, eles se tornam capazes de acessar todos os seus potenciais adormecidos no inconsciente.

A meditação nos leva para as paisagens mais celestes.

A meditação nos leva para as paisagens mais celestes.

Para que serve a meditação

A meditação serve para acalmar a mente. Com o estilo de vida agitado do mundo ocidental, aprendeu-se a desempenhar mais de uma tarefa simultaneamente.

Este hábito é extremamente nocivo. Ele tira da gente a capacidade de analisar prós e contra de qualquer decisão a ser tomada. Coloca nossas ações no piloto automático, tirando-nos a capacidade de prever os resultados.

Com a mente tranquila e consciente, você é capaz de analisar as situações da sua vida de maneira mais profunda. A partir daí, vai errar menos, pois vai ter condições de prever o que pode ou não dar certo.

Quanto mais agitada a mente, mais rápidas são as ondas cerebrais, que a fazem funcionar. Os cientistas atestam que existem quatro faixas de ondas mentais: Beta, Alfa, Teta e Delta.

Arrisco a afirmar que estamos inseridos no estado mental Beta Acelerado. Pois esta faixa mental equivale ao nosso estágio de vigília e os estímulos diários só tendem a acelerar nossos pensamentos. As ondas Beta correspondem à frequência que varia entre 13 e 50 hertz.

Quando a mente está em Alfa, você está acordado, sabe de tudo o que acontece ao redor, porém a mente está calma. Neste estado, ela funciona emitindo ondas entre 8 e 13 hertz.

As ondas Teta deixam sua mente em estado de relaxamento profundo. Segundo os estudiosos, é neste momento que a imaginação e o estado emotivo estão na fase mais produtiva. Elas correspondem também ao estado de sono profundo com sonhos, que podem ser recordados no período de vigília. A frequência das ondas mentais é entre 4 e 8 hertz

No estágio Delta, a mente está em sono profundo totalmente desligada do mundo exterior. É a frequência mais baixa das ondas mentais que varia entre ½  e 4 hertz.

Quando você atinge esta faze de frequência de ondas mentais, diz-se que está em estado de consciência cósmica. Os especialistas em meditação afirmam que é as pessoas que conseguem levar a mente a esse nível, conseguem fazer o que querem somente com a força mental.

Mas para atingir esse nível é preciso um trabalho muito sério e longo. Um dos principais entreves para isso é a resistência da mente consciente em se desligar do mundo que considera real.

A posição mais usada para a meditação é a sentada em posição de lótus.

A posição mais usada para a meditação é a sentada em posição de lótus.

Meditação para ocidentais

Como já afirmei acima, a meditação para quem mora no ocidente é um objetivo muito complexo para atingir. O ponto chave aqui é a disputa pela sua atenção.

De um lado, o mundo externo te chama com toda sorte de estímulos, todos cada vez mais interessantes. Do outro, a necessidade de acalmar a mente para obter melhor qualidade de vida.

Com a estimativa de vida que temos atualmente, acho bobagem fazer meditação com o objetivo de atingir o nirvana. Estamos inseridos em uma realidade multifacetada, com o encargo de encontrar a felicidade e ainda dar atenção a tudo ao redor. Por isso mesmo, o simples fato de acalmar a mente e entrar em contado com a intimidade já é um grande ganho.

Por questões de hábito de vida, aprendi com a terapeuta holística, Florita Ferreira que a posição mais prática para um ocidental meditar é sentada em uma cadeira com encosto. Ela explica que esta posição é a mais próxima com o dia a dia do candidato à meditar.

Ainda sim, sentado é a melhor posição corporal, de acordo com Florita. Ela conta que assim, o fluxo de energia universal encontra condições de percorrer todos os chacras do praticante. “A energia entra pela cabeça e circula todos os pontos energéticos do corpo”, conta.

Florita destaca ainda que a posição sentada em lotos, aquela com as pernas cruzadas, pode ser incômoda para quem está acostumado a usar objetos de sentar. E por isso, até que se acostume-se, há o risco de se desconcentrar em função de dores pelo corpo, causadas pela posição.

Medite para se reencontrar com você mesmo.

Medite para se reencontrar com você mesmo.

Técnica inicial de meditação

Uma dúvida assombra sempre os iniciantes da meditação: como ficar sem pensar em nada? Ainda há controvérsias sobre isso. Mas é preciso ficar bem claro que é quase impossível ficar sem pensar em nada.

De acordo com os cientistas, a mente emite cerca de 100 mil pensamentos involuntariamente, por dia. Se são involuntários, você pode ver o quanto é complicado ficar sem pensar.

Volto a destacar que meditar é reconectar-se com você mesmo. E esse processo implica em acalmar a mente, ao contrário de ficar sem pensar.

A questão aqui é não se apegar a um ou outro pensamento. Por exemplo: você se senta para meditar, vem uma lembrança de que você precisa pagar uma conta. A meditação consiste em recebe esse pensamento e deixa-lo ir embora ao invés de ficar focado nele e arquitetando o que fazer para pagar a conta.

Medite para se reencontrar com você mesmo.

Medite para se reencontrar com você mesmo.

Comece aqui

Primeiro, sente-se confortavelmente e relaxe todo o corpo. Respire profundamente, inspirando pelo nariz e soltando o ar pela boca. Enquanto respira, conte de um até quatro em pensamento. Prenda o ar contando pausamente de um até quatro, novamente. Espire soltando o ar contando de um a quatro.

Repita esse processo algumas vezes. É uma meditação simples, mas não é muito fácil concentrar apenas na respiração. Faça isso durante um minuto e vá aumentando o tempo gradativamente até alcançar 15 minutos diários.

Agora você já tem uma noção mais clara do que é meditação. Ajude os seus amigos a compreenderem melhor esta que pode ser de muita utilidade na vida deles, compartilhando este artigo. Aproveite e deixe um comentário sobre o post. Ele vai enriquecer em muito a discussão em torno deste tema.

Até o próximo!

Fonte:

Curso de Meditação Atman Darchan – por Florita Ferreira

No votes yet.
Please wait...
Zilda de Assis

Sobre o autor | Website

Zilda de Assis é jornalista e gestora de pessoas. Autora dos ebooks: Já que relacionamentos perfeitos não existem, torne-os saudáveis, O que é autossabotagem e Manual dos relacionamentos saudáveis.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

4 Comentários

  1. Dulcemar Lara disse:

    Muito bom seu texto, bem explicativo.
    Sempre tive dificuldades também pra meditar, passam muitas coisas pela
    minha cabeça e não consigo relaxar o corpo, realmente preciso praticar.
    Gostei do comentário sobre meditar sentada mesmo, bem ao modo ocidental,
    porque a impressão que sempre tive é que só se conseguiria meditar na
    posição de lótus, aí fica parecendo uma coisa de outro mundo mesmo, de
    gente estranha fazendo uma coisa esquisita.
    Parabéns pelo post e pelo blog.
    Obrigada.
    Dulcemar.

    No votes yet.
    Please wait...
    • Obrigada, Dulcemar!

      Você me deu uma sugestão para novo post sobre meditação. Brevemente, falarei sobre o relaxamento. Ele é fundamental para a meditação.

      Volte sempre! Gratidão pelo seu comentário!

      Abraços,

      Zilda

      No votes yet.
      Please wait...
  2. Maria Aparecida de Paiva disse:

    Este texto e maravilhoso, Parabéns, é de uma sensibilidade.

    No votes yet.
    Please wait...
    • Muito grata, Cida!

      Volte sempre e acompanhe meu trabalho!

      Abraço,
      Zilda

      No votes yet.
      Please wait...
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: