Tenha o relacionamento que sempre sonhou, com esse passo a passo simples.

Inscreva o seu e-mail aqui e receba o Manual dos relacionamentos saudáveis. É grátis!

Relacionamento

Cansado de conviver com parceiro pirracento!? Descubra como lidar com ele e deixar seu relacionamento maravilhoso

A pirraça é uma forma agressiva de exigir que a vontade seja cumprida. (Foto: internet/reprodução)

A pirraça é uma forma agressiva de exigir que a vontade seja cumprida. (Foto: internet/reprodução)

A pirraça de uma criança deixa você irritado? Se sua resposta é sim, você vai concordar comigo que a de um adulto é muito pior. Ela chega a causar revolta nas pessoas envolvidas. Também não é por menos. Esse tipo de comportamento tem como único objetivo fazer com que a vontade do pirracento prevaleça sobre a dos outros.

Nesses tempos atuais, assistir a pirraça de um adulto se tornou lugar comum. Além de ser um mecanismo de imposição, ela serve à chantagens emocionais.

Determinados indivíduos com alto nível de carência começam a pirraçar para chamar a atenção. Na verdade, as relações têm sido muito suscetíveis a essas atitudes, em função da pressão psicológica que faz no outro.

A pirraça demonstra muito claramente a incapacidade do pirracento em lidar com a frustração e com o não. Se você convive com um, vai precisa adotar algumas medidas para que sua relação não vá por água abaixo.

É que assim como na criança, a birra de um adulto irrita. A situação é tão complicada, que às vezes ela pode até gerar revolta.  

Fazer pirraça indica fraqueza

Se você convive com um adulto pirracento precisa aprender a conhecer o que há por trás desse comportamento. Num primeiro momento, até parece se tratar de característica de pessoas com temperamento forte. Contudo, ao contrário do que aparenta, quem usa desse artifício, o faz para disfarçar sua fraqueza.

Somente sujeitos fortes dão conta de lidar com o fracasso e as negativas de maneira equilibrada. E o pirracento demonstra a todo momento que não tem habilidade para tal.

Por isso, a matéria da TV Comportamento sem grilos aborda esse assunto, na edição da semana. Você não precisa romper um relacionamento só porque o outro é pirracento. Na verdade, sua necessidade é aprender a lidar com ele, de forma que seja possível satisfazer a vontade e necessidade de ambos.

Você vai ficar surpreso em descobrir como é fácil lidar com pessoas que gostam de fazer pirraça.

Até a próxima!

Rating: 4.6. From 5 votes.
Please wait...
Zilda de Assis

Sobre o autor | Website

Zilda de Assis é jornalista e gestora de pessoas. Autora dos ebooks: Já que relacionamentos perfeitos não existem, torne-os saudáveis, O que é autossabotagem e Manual dos relacionamentos saudáveis.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

2 Comentários

  1. Noêmia Esquivel Dória disse:

    Infelizmente, quem tem um ambiente de criação e formação de personalidade acostumadoao sim, tem dificuldades enormes em trabalharessa baixa tolerancia a frustração, mas a feliz noticia é que sim podemos deixar de ser pirracentos!

    No votes yet.
    Please wait...
    • Zilda de Assis disse:

      Exatamente, Noêmia!

      Grande abraço, amiga!

      No votes yet.
      Please wait...
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: